Arquivo da tag: sheldon

Globo de Ouro 2011

Ator de “The Big Bang Theory” ganha Globo de Ouro de melhor ator cômico

DE SÃO PAULO

O ator Jim Parsons, que interpreta o papel do nerd Sheldon Cooper em “The Big Bang Theory”, venceu o Globo de Ouro de melhor ator cômico em série de TV.

Veja fotos do 68º Globo de Ouro
Veja a cobertura completa do Globo de Ouro

A atriz Kaley Cuoco, que interpreta a Penny do seriado, foi quem entregou o prêmio.

Parsons bateu os atores Alec Baldwin (“30 Rock”), Steve Carell (“The Office”), Thomas Jane (“Hung”) e Matthew Morrison (“Glee”).

___________________________________________________________________
Já a atriz Melissa Leo venceu o prêmio de melhor atriz coadjuvante por “O Vencedor”.

Ela faz o papel de Alice Ward, a mãe do personagem de Mark Wahlberg no filme.

Também concorriam Amy Adams (“O Vencedor”), Helena Bonham Carter (“O Discurso do Rei”), Mila Kunis (“Cisne Negro”) e Jacki Weaver (“Reino Animal”).

Folha Ilustrada
___________________________________________________________________

Veja o vídeo abaixo

Sheldon vira personagem mais cultuado de “The Big Bang Theory”

27/06/2010 – 09h03

GUSTAVO VILLAS BOAS
DE SÃO PAULO

Apesar de dizer orgulhosamente que tem um “amplo círculo de 212 amigos no MySpace”, o doutor Sheldon Cooper (187 de Q.I.) considera muito estressante ter mais de quatro amizades simultâneas no mundo real.

Antissocial, obsessivo, egoísta e incapaz de entender sarcasmo, o brilhante físico teórico interpretado por Jim Parsons virou a estrela de “The Big Bang Theory”.

O gênio disfuncional é o preferido dos fãs na enquete feita no site da CBS, emissora que transmite “The Big Bang Theory” nos EUA.

Parsons, antes desconhecido, foi indicado ao último Emmy como melhor ator de comédia (não venceu).

Até moda o cientista tem ditado: as camisetas que usa, com personagens de quadrinhos, equações ou robozinhos, viraram objeto de adoração e são vendidas na Amazon e em sites que pululam na internet para cultuar Sheldon –dois Ph.Ds, o primeiro aos 16 anos.

“Parsons faz algo raro na TV, tornando o intelectualismo admirável, até heroico”, disse Ken Tucker, crítico da “Entertainment Weekly”.

Divulgação

O físico teórico Sheldon Cooper (Jim Parsons), cujas camisetas são vendidas na internet

Calculadora

Heroico como toda a série, que começou em 2007, sem grande impacto, e hoje é uma lucrativa queridinha da TV norte-americana.

É o quinto seriado mais assistida por adultos que têm entre 18 e 49 anos nos EUA, o primeiro colocado do ranking entre as comédias.

O terceiro ano foi visto por, em média, 14,2 milhões de pessoas, enquanto os capítulos do último ano da badalada “Lost” foram vistos por cerca de 11,6 milhões.

O bom resultado é similar ao de “Two and a Half Men”, do mesmo produtor Chuck Lorre e que tem o problemático astro Charlie Sheen.

Se o elenco de “Big Bang” já revelou não ter a aptidão científica dos personagens, mostrou ao menos que é bom de calculadora. Jim Parsons, Johnny Galecki (Leonard) e Kaley Cuoco (Penny) negociam, em conjunto, um aumento de 285% no valor que ganham por episódio. Se acertado, cada um receberá US$ 250 mil por capítulo.

A Warner, produtora e distribuidora, também está lucrando: recentemente, fechou um acordo milionário para o programa ser exibido por mais canais nos EUA.

Com isso, Ken Werner, presidente da divisão que distribui nos EUA as produções da Warner, elevou a série ao mesmo patamar de “Seinfeld” e “Friends”.

O programa, que tem quarta temporada prevista para setembro nos EUA, é exibido no Brasil no canal pago Warner com pequeno intervalo.

O SBT tem os direitos para a transmissão, mas não há previsão de estreia.

NA TV
The Big Bang Theory
Maratona da terceira temporada
QUANDO: terça, às 21h, na Warner
CLASSIFICAÇÃO: não informada

Folha.com.br