Nomade 7: Errata

Erramos alguns dados passados no artigo sobre Nomade 7. Segue abaixo mais detalhes sobre a série, informados pela produtora Livia Pinaud. Desde que transformamos o Nomade de 4 episódios “longos” pra 9 episódios curtos, ele não está mais disponível no site. Hoje, com o contrato com a Amazon, ele está disponível somente lá. Com relação ao Rio Webfest em 2017, fomos a série mais indicada, em 12 categorias, e o nosso prêmio foi representar o Festival e o Brasil na Itália em 2018, o chamado Golden Tticket (com passagem e hospedagem pagas pelo festival de Roma). O Nomade teve 44 indicações em festivais internacionais espalhados pelo mundo, em países como EUA, Coreia do Sul, Itália, Alemanha, entre outros. E recebeu 15 prêmios, incluindo melhor roteiro, série, direção, efeitos especiais, produção, entre outros. Continuamos trabalhando duro pelo Scifi e pela fantasia! É isso! Espero que tenham gostado de saber ainda mais sobre… Continue lendo

Nomade 7: do Brasil para o mundo

Nomade 7 nasceu como um projeto piloto de série para streaming. A série Nomade 7 mostra como se sentiria, na vida real, um jovem que de repente ganha super poderes. Que medos ele sentiria e como seria sua adaptação ao mundo real. Como reagiriam seus amigos e familiares e quais seriam os impactos reais na sociedade. A série venceu diversas categorias no Rio Webfest em 2017 como Melhor série de ação, Melhor elenco, Melhor edição, Melhores efeitos visuais, entre outros. Assim como 3 categorias no Minas Webfest 2017: Melhor roteiro, Melhor fotografia e Melhor websérie. Em abril de 2020 a série entrou para o catálogo do serviço de streaming com 9 episódios! Confira agora no Prime Video. Os 4 primeiros episódios estão disponíveis no site oficial da série. Conheça mais aqui http://www.nomade7.com.br/index.html

H.P. LOVECRAFT NO CINEMA

Curso sobre H.P. Lovecraft na Casa Guilherme de Almeida 17 de Março de 2020 | 19h às 21h Por Fernando Brito e Raphael Cubakowic Aula 1 Terça a sexta-feira, 17, 18, 19 e 20 de março, das 19h às 21h; sábado, 21 de março, das 14h às 17h Curso que abordará a obra de um dos mais importantes autores da literatura de horror e como esta foi adaptada ao cinema em várias versões e estilos ao longo das últimas décadas. Também analisará como a estética da escrita de Lovecraft determinou parâmetros para os filmes de terror até nossos dias. Curso gratuito. Para realizar sua inscrição, clique aqui

Cine Clube SciFi exibirá Westworld

Westworld de Michael Chrichton no Cine Clube Scifi Dia 14/3 Exibição: Westworld: Onde Ninguém tem Alma (Westworld,1973) Tema: Robótica/ Inteligência artificial Muito antes do seriado Dois amigos, Peter Martin e John Blane resolvem passar as férias no hipermoderno centro de diversões de Delos, que cobra US$ 1000 por pessoa ao dia. Lá foram criados os ambientes da Roma Imperial, Idade Média e do Velho Oeste, todos povoados por robôs perfeitos. Eles optam por este último “mundo”, onde enfrentariam em duelos “terríveis bandidos” e seduziriam “belas mulheres”. Os androides foram programados para satisfazer os clientes e nunca os ferir, mas devido a problemas técnicos os robôs dos três “mundos” se tornam assassinos. Dir. Michael Crichton.Col.98 min. Comentado por Cláudia Fusco, jornalista e mestre em Science Fiction Studies pela Universidade de Liverpool, Inglaterra. É pesquisadora de mitos, folclore, contos de fadas e literatura especulativa. Colaborou para o especial de ficção científica da… Continue lendo

Cine Clube Sci Fi: Eles Vivem

Cine Clube SciFi do Sesc exibirá Eles Vivem de John Carpenter seguido de debate Dia 8/2 Exibição: Eles Vivem  (They Live,1988) Tema: Distopia; contato alienígena. Ao mudar-se para Los Angeles, John Nada descobre por acaso um par de óculos com lentes especiais: ele passa a enxergar as criaturas alienígenas que vivem disfarçadas de seres humanos e aparentemente já dominam o planeta através de mensagens subliminares na mídia e em operações repressivas comandadas pela polícia. Dir. John Carpenter.Col.93 min. Comentado por Bráulio Tavares, poeta, tradutor e compositor.  É pesquisador de literatura fantástica e de ficção científica, e organizou várias antologias do gênero para a editora Casa da Palavra (Rio de Janeiro). Autor de O que é ficção científica, lançado em 1986 pela coleção Primeiros Passos e organizador de antologias, dentre outras, Páginas do Futuro: contos brasileiros de ficção cientifica, Contos Obscuros de Edgar Allan Poe e Fanfic. Curiosidades: O diretor John… Continue lendo

Cine Clube SciFi no Sesc

Cine Clube SciFi no Sesc apresentará filmes de Ficção Científica com debates Sci-Fi Clube é o nome da série que o Centro de Pesquisa e Formação do Sesc  apresenta no primeiro semestre de 2020, que tem por objetivo abordar esse gênero tão amplo e diversificado, e como ele está cada vez mais presente no cotidiano e nos produtos culturais transmidiáticos. São encontros mensais, de janeiro a junho de 2020, com exibição e posterior bate papo sobre obras icônicas do gênero de ficção científica com a presença de convidados.  A entrada é gratuita. A abertura acontece no dia 18 de janeiro com a exibição de O planeta proibido (Forbidden Planet -1956), de Fred M. Wilcox. Entre os palestrantes convidados estão Roberto Causo, Bráulio Tavares, Marcos Brolia, Larissa Becko e Finisia Fideli. A mediação é de Cláudia Fusco. Filme Clássico Dia 18/1 Abertura O planeta proibido (Forbidden Planet -1956) Tema: Viagem espacial;… Continue lendo

A Bandeira do Elefante e da Arara vence prêmio ENnie

A Bandeira do Elefante e da Arara é o primeiro RPG brasileiro a vencer o prêmio ENnie No primeiro final de semana de agosto, A Bandeira do Elefante e da Arara, fantasia ambientada no Brasil Colônia, teve a honra de ganhar um ENnie, feito inédito para um RPG nacional. Os ENnies (apelido dado aos EN World RPG Awards) são apresentados anualmente na convenção Gen Con, nos Estados Unidos, e são considerados a maior premiação do mundo na área de RPG de mesa. Outros criadores brasileiros já ganharam ENnies por seu trabalho em produções estrangeiras, mas é a primeira vez que uma produção nacional levou o prêmio. A obra A Bandeira do Elefante e da Arara: Guia do Participante [The Elephant & Macaw Banner: Player’s Guide, na versão em inglês] venceu um dos cinco prêmios do júri.  O livro se destacou entre as mais de 430 submissões do mundo inteiro. O… Continue lendo