Programação Fantasticon 27 e 28/8

 Sexta-feira – dia 27 de agosto
19h às 21h

ABERTURA OFICIAL

Palestra: “o FantÁstico e a Literatura BRASILEIRA” 

O acadêmico Moacyr Scliar irá abordar como sua obra é marcada pelo flerte com o imaginário fantástico. Comentará sobre a existência de elementos mitológicos na Literatura Fantástica, para aludir a problemáticas humanas que permanecem na contemporaneidade, desde os primórdios da existência humana. 

·         Moacyr Scliar é escritor e médico especialista em saúde pública. Autor de mais de quarenta livros, dentre ensaios, crônicas, contos e romances, que obtiveram diversas honrarias e prêmios. Algumas delas foram  publicadas na Inglaterra, Rússia, República Tcheca, Eslováquia, Suécia, Noruega, França, Alemanha, Israel, Estados Unidos, Holanda e Espanha e em Portugal, entre outros países. Desde 2003 ocupa a Cadeira nº 31 da Academia Brasileira de Letras.
****

SÁBADO – dia 28 de agosto

11h às 13h

Oficina: “O ESCRITOR: PESQUISA E CRIAÇÃO LITERÁRIA”

A idéia desta oficina é mostrar a importância da pesquisa nas diversas etapas de criação literária. Além de apresentar a sua necessidade e importância, a proposta é ensinar técnicas e mecanismos de como fazer uma pesquisa para escrever uma boa história. Mostrar como produzir um bom texto e como torná-lo verdadeiro para o leitor. Serão apresentados exemplos e estudos de casos, além da análise de ferramentas e processos que facilitem a forma de fazer uma pesquisa mais completa e sem enganos, seja na literatura mainstream, seja na literatura fantástica 

– Sérgio Pereira Couto é jornalista e escritor. Colabora regularmente com revistas de história e sites especializados no assunto. É autor de 35 livros, com mais de cem mil exemplares vendidos somente no Brasil, entre eles os romances “Sociedades Secretas”, “Investigação Criminal” , “Renascimento” e “Help – A Lenda de Um Beatlemaníaco”. Atualmente,  é editor da revista “Leituras da História”.  

– Gianpaolo Celli é escritor e editor, além de administrador de empresas. Tem se dedicado ao estudo de ocultismo, esoterismo e mitologia. É colunista do site de neopaganismo “Tribos de Gaia”; co-autor da coleção Necrópole: “Histórias de Vampiros” (2005), “Histórias de Fantasmas” (2007) e “Histórias de Bruxaria” (2008); das coletâneas “Visões de São Paulo – Ensaios Urbanos” (2006) e “Paradigmas, volume 3” (2009), e co-editor e co-autor dos livros “Histórias do Tarô” (2008) e “Steampunk” (2009).

  11h às 12h

Mesa-redonda: “CAIXA DE PANDORA: EXISTE ESPERANÇA PARA A LITERATURA FANTÁSTICA NO BRASIL?”

Bate papo sobre as tendências e desafios da Literatura Fantástica no Brasil que está aparecendo no atual cenário cultural. Uma nova geração de escritores do gênero está surgindo a cada dia e produzindo como nunca. Afinal, por que está havendo um aumento da produção de Literatura Fantástica no Brasil? Quais os gêneros mais explorados? Quais tendências estão aparecendo? 

Adriano Siqueira é diagramador e design gráfico. É consultor de novos sites sobre vampiros, ministra palestras, participa de exposições, e atualmente produz curtas metragens e radionovelas sobre vampiros. Organizador do zine “Adorável Noite – Contos de Vampiros e Terror”. Participou das antologias “Amor Vampiro”, “Draculea – O Livro Secreto dos Vampiros”, “Metamorfose A Fúria dos Lobisomens” e “Tratado Secreto de Magia”. 

– J. Modesto é formado em Arquitetura e Urbanismo pela Faculdade de Belas Artes. Autor dos romances “Trevas” e “Anhangá – A Fúria do Demônio”; e participou da antologia “Amor Vampiro”. todos pela Giz Editorial. Com os escritores Nelson Magrini e James Andrade, criou o site Fontes da Ficção, voltado para o incentivo e a divulgação da Literatura Fantástica. Atualmente prepara o lançamento de seu terceiro livro, previsto para o 2º semestre de 2010. 

J. P. Balbino é músico e escritor. Autor do livro “A Seita do Caos” (All Print). Publicou seus contos em diversas antologias, como “Retalhos” (Andross), “Contos – Coletânea All Print”. e como autor convidado em “Draculea  O Livro Secreto dos Vampiros” (All Print).É editor de um dos sites mais importantes da Universidade Federal do Rio de Janeiro: www.forumdeliteratura.com 

– Nelson Magrini é engenheiro mecânico, estudioso e pesquisador em Física, com ênfase em Mecânica Quântica e Cosmologia. É escritor, professor e consultor de Gestão Empresarial e Cadeira Logística. É autor dos romances “Anjo: A Face do Mal” e “Relâmpagos de Sangue”, ambos da Editora Novo Século; do conto Isabella, na coletânea “Amor Vampiro” e do romance “Os Guardiões do Tempo” ambos pela Giz Editorial. 

– Roberto de Sousa Causo é formado em Letras pela USP> Autor do livro de fantasia “A Sombra dos Homens” (Devir); dos romances “A Corrida do Rinoceronte” e Anjo de Dor”, pela Devir; e do estudo “Ficção Científica, Fantasia e Horror no Brasil” (UFMG). Organizou as antologias “Rumo à Fantasia” .”Os Melhores Contos Brasileiros de Ficção Científica”, ambas pela Devir, entre outras. Seus contos apareceram em revistas e livros de dez países.

 12h30 às 13h30

Bate-papo: “O MERCADO EDITORIAL DE LITERATURA FANTÁSTICA NO BRASIL”
Conversa com quem toma as decisões no mercado editorial brasileiro. Participação dos editores do gênero fantástico com novidades, informações e curiosidades do mundo editorial de hoje.
 

  • Adriano Fromer Piazzi, diretor editorial da Editora Aleph
  • Douglas Quinta Reis, diretor editorial da Devir
  • Daniela Padilha, editora da DCL – Difusão Cultural do Livro
  • Ednei Procópio, diretor editorial da Giz Editorial
  • Richard Diegues, diretor editorial da Tarja Editorial 
  • Erick Santos diretor editorial da Draco Editora

14h às 15h

Bate-papo: : “O FANTÁSTICO E A LITERATURA MAINSTREAM”

A literatura brasileira contemporânea não se resume apenas ao mainstream, a tradicional ficção realista, legitimada pelos círculos acadêmicos. Ou seja, existem diversas manifestações e outras correntes além da corrente principal. Entre elas a ficção científica, a fantasia e o terror onde o conteúdo é muito mais importante do que a forma, que deve estar a serviço do enredo, da trama, da história. 

– Jeanette Rozsas é, além de contista e romancista, diretora da União Brasileira de Escritores (UBE). Tem trabalhos publicados em revistas literárias do Brasil e do exterior e colabora com os principais sites de literatura. Publicou, entre outros, os romances As sete sombras do gato (Idea Editora) e Morrer em Praga (Geração Editorial), selecionados pelo Projeto de Apoio Cultural da Secretaria de Estado da Cultura. Seu romance biográfico Kafka e a marca do corvo (Geração Editorial), já está na segunda edição e vem recendo o aplauso da crítica especializada.  

– Ademir Assunção é poeta, escritor, jornalista e letrista de música. Foi editor-assistente do caderno Ilustrada, da Folha de São Paulo e editor-contribuinte da revista Marie Claire. Publicou, entre outros títulos, as coletâneas LSD nô (1994), A máquina peluda (1997), Zona Branca (2000) e o romance Adorável criatura Frankenstein, (2003). Lançou também o CD de poesia e música Rebelião na Zona Fantasma (2005), pelo selo Zona Branca Rebeliões Artísticas. É um dos editores da revista literária Coyote. 

– Felipe Pena
é jornalista, escritor, psicólogo, professor da Universidade Federal Fluminense, doutor em Literatura pela PUC-Rio e pós-doutor em semiologia pela Université de Paris/Sorbonne III. Foi professor visitante da Universidade de Salamanca (Espanha), Sub-Reitor da Universidade Estácio de Sá, repórter da TV Manchete e comentarista da TVE-Brasil. É autor de oito livros na área acadêmica e dos romances “O analfabeto que passou no vestibular” (7Letras) e O marido perfeito mora ao lado (Record).  

– Luiz Roberto Guedes é publicitário, poeta e tradutor, além de autor dos livros Alguém para amar no fim de semana (contos), O mamaluco voador (romance), Armadilha para lobisomem (romance) e Calendário lunático (poemas), entre outros. Dos prêmios que recebeu destacam-se o da Cidade de Belo Horizonte e o do Concurso Nacional de Contos promovido pela revista Scarium. Teve textos estampados nas principais publicações literárias do país.

– Nelson de Oliveira é escritor e doutor em Letras pela USP. Publicou mais de vinte livros, entre eles Poeira: demônios e maldições (romance), A oficina do escritor (ensaios), A maldição do macho (romance, publicado também em Portugal) e O filho do Crucificado (contos, também lançado no México). Em 2001 organizou a antologia Geração 90: manuscritos de computador e em 2003, Geração 90: os transgressores, com os melhores prosadores brasileiros surgidos no final do século 20. Atualmente coordena o Projeto Portal, de narrativas de ficção científica.

 Dia 28 – Sábado – 15h às 16h

Celebração: “Projeto Portal”

 O Projeto Portal, coordenado por Nelson de Oliveira, é uma revista de contos de ficção científica com periodicidade semestral. Cada número da revista homenageia, no título, uma obra célebre do gênero: já foram lançados o Portal Solaris, o Portal Neuromancer, o Portal Stalker e o Portal Fundação.

 O Projeto Portal realizará uma celebração para lançar o Portal 2001, com a presença dos autores, que conversarão com o público e sortearão exemplares da revista.

Portal 2001, o quinto número do Projeto, traz contos inquietantes que vão do universo da ficção científica ao do fantástico, passando pelo da fantasia. São 31 narrativas sobre novas tecnologias, viagens no tempo, ciberespaço, telepatia, contatos imediatos do terceiro grau, pós-apocalipse, pós-humano, utopias e distopias, de dezesseis autores contemporâneos.

Os contistas são: Braulio Tavares, Brontops Baruq, Claudio Parreira, Daniel Fresnot, Delfin, Luiz Bras, Marcelo Bighetti, Marco Antônio de Araújo Bueno, Maria Helena Bandeira, Mayrant Gallo, Mustafá Ali Kanso, Ricardo Delfin, Roberto de Sousa Causo, Rodrigo Novaes de Almeida, Rogers Silva e Sid Castro.

15h30 às 16h30

Mesa-redonda: “VOZES FEMININAS NA LITERATURA DE VAMPIRO”

O crescimento no Brasil da chamada literatura de vampiros é um dos fenômenos mais notáveis da literatura fantástica atual. Os livros de vampiros estão fazendo mais sucesso do que nunca. E suas vendas batem recordes atrás de recordes. Um aspecto que chama a atenção é a  grande produção de mulheres que escrevem sobre o tema.  

– Flávia Muniz é escritora e pedagoga. Tem mais de 60 obras publicadas, mais de 3 milhões de livros vendidos. Com duas obras traduzidas, outras adotadas em Programas de governo, recebeu prêmios como o APCA de Melhor Livro juvenil, além de ter sido finalista do Jabuti com dois títulos. Seus livros juvenis “Os Noturnos”, “Viajantes do Infinito”, “Sallen 777”, “Manual dos Namorados”, “Uma sombra em ação” e “Fantasmagorias” (no prelo), já se consolidaram entre os leitores nas escolas de todo o país. Além de escrever e criar, atua no ramo editorial e de entretenimento, realizando adaptações de obras, criando jogos, revistas, roteiros de TV e conteúdos para sites.  

 – Giulia Moon é escritora e publicitária. Publicou três coletâneas de contos: “Luar de Vampiros” (Scortecci), “Vampiros no Espelho & Outros Seres Obscuros” (Landy) e “A Dama-Morcega” (Landy). Lançou em 2009 o romance “Kaori: Perfume de Vampira” (Giz Editorial). Participou, entre outras, da coletânea  “Amor Vampiro” (Giz Editorial), “Território V” (Terracota) e “Meu Amor é Um Vampiro” (Draco). Edita o fanzine FicZine e é co-editora da revista “Scarium Megazine”.

Laura Elias é economista, articulista, palestrante e escritora. Escreveu 35 livros que vão do infanto-juvenil ao romance, passando também pelo suspense e terror. Até 2007 assinava suas obras com pseudônimos variados, sendo Loreley Mckenzie o mais conhecido deles. Atualmente dedica-se ao terceiro livro da saga “Red Kings” (Editora Mythos), uma série sobre vampiros e rock’n’roll, provisoriamente intitulado “Luz da Noite”. Os outros dois volumes são Crepúsculo Vermelho (2009) e Lua Negra, que está sendo lançado. Outros quatro títulos estão em fase de finalização pela editora e deverão sair ainda este ano.

Martha Argel é escritora e bióloga com doutorado em Ecologia de Aves. Entre vários livros de ficção e não-ficção, escreveu “Relações de Sangue”, que está sendo relançado pela Giz Editorial, e “O Vampiro da Mata Atlântica” (Idea). Participou da antologia “Amor Vampiro” (Giz), entre outras,  e organizou, com Humberto Moura Neto, a antologia crítica “O Vampiro Antes de Drácula” (Aleph), além de ter colaborado em livros científicos, técnicos e didáticos. 

Nazareth Fonseca é autora da saga “Alma e Sangue, iniciada com “O Despertar do Vampiro” (Aleph) e que prossegue em “O Império dos Vampiros” (Aleph). Escreveu também “Kara e Kmam”, e publicou contos nas coletâneas Necrópole: Histórias de Bruxaria” e “Anno Domini”. Atualmente mora em Natal, Rio Grande do Norte. 

 17h às 18h

Palestra: “O FANTÁSTICO EM  GUIMARÃES ROSA”

 O fantástico foi a primeira opção literária de Guimarães Rosa, fruto de suas leituras de juventude.
Mais tarde, ele decidiu esquecer a literatura de gênero, e criar um gênero literário próprio, alargando os limites do romance regionalista dos anos de 1930. Entretanto, toda a sua obra está baseada num plano mágico-fantástico, fruto do seu profundo misticismo pessoal.  Entre os seus contos há histórias de feitiçarias, assombrações, aparições sobrenaturais, e pelo menos um deles, “Um moço muito branco”, é uma autêntica narrativa de ficção científica. 

– Bráulio Tavares é escritor, roteirista e compositor. Compilou a primeira bibliografia do gênero: o Fantastic, Fantasy and Science Fiction Literature Catalog (Fundação Biblioteca Nacional). Autor de “A Espinha Dorsal da Memória”, “A Máquina Voadora” e “Anjo Exterminador” (todos pela Rocco). Organizou as antologias “Freud e o Estranho”, “Contos Fantásticos no Labirinto de Borges” e “Páginas de Sombra” (todos pela editora Casa da Palavra). Publicou em 2008 o estudo “A Pulp Fiction de Guimarães Rosa” (Ed. Marca de Fantasia).

ENDEREÇO DO FANTASTICON 2010

  

BIBLIOTECA PÚBLICA VIRIATO CORRÊA

Rua Sena Madureira, 298 – Vila Mariana – 04021-050 São Paulo – SP
Tel.: 11 5573-4017 e 11 5574-0389

ENTRADA FRANCA

 

1) Não é necessário se inscrever antecipadamente.
As senhas, para todas as atividades, serão distribuídas com 1h de antecedência, obedecendo à capacidade de lotação:
101 lugares na Sala Luiz Sérgio Person e
40 lugares no Espaço Temático de Literatura Fantástica.

2) As Oficinas serão ministradas no Espaço Temático.

As vagas são limitadas.

3) A exposição estará no andar térreo da Biblioteca durante todo o evento.

  

COMO CHEGAR DE METRÔ NA BIBLIOTECA VIRIATO CORREA:

é só tomar o Metrô (Linha Azul) no sentido Jabaquara, e descer na estação Vila Mariana, na saída ao lado do colégio Madre Cabrini. Seguindo-se a rua Madre Cabrini por dois quarteirões, chega-se à Av. Sena Madureira, bem no quarteirão da Biblioteca.

Tags , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre CarolSuiter

Apaixonada por FC, fantasia e terror.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *